dezembro 19, 2007

O Óbvio.

O óbvio não é mais tão óbvio assim. Toda hora temos que explicá-lo, repetí-lo, e mesmo assim ele ainda não é entendido. As pessoas perderam a prática, e logo perderão a capacidade de tirarem as conclusões mais simples baseadas na lógica mais elementar.
É desesperador ficar toda hora no meio de uma conversa explicando cada passo, por menor que seja, do raciocínio só porque o infeliz do outro lado não consegue acompanhar que saímos do ponto 1 para o ponto 2 se não houver uma linha tracejada com uma seta entre eles.

3 Comments:

At 11:13 AM, dezembro 23, 2007, Blogger Andrea said...

Escreve um poema de amor um dia???

Não vou desejar Feliz natal porque voc6e deve mesmo detestar essas formalidades....rs..mas boas férias, sim...e longas! Trabalho, só depois do Carnaval. Aproveite. Bjs

 
At 12:48 PM, dezembro 23, 2007, Blogger gus rocha said...

Não entendi essa de "poema". Mesmo.
Um dia já fiz um post de "Feliz Natal". Vou ver se eu acho que posto de novo como novo.

 
At 10:50 PM, janeiro 28, 2008, Anonymous rodelbon said...

Cara, sou professor universitário e confirmo o que você disse aí. Uma tristeza, estamos virando uma sociedade de analfabetos funcionais. O sistema nos molda para tal - o importante é criar uma massa idiotizada, porém apta a consumir qualquer tipo de lixo (cultura, alimentar, whatever) que quiserem enfiar na gente.
Legal este seu blog, dei um bookmark nele.

 

Postar um comentário

<< Home