outubro 19, 2011

Pessoas mudam?

Fico pensando, quando me ponho como exemplo, se as pessoas realmente mudam ou apenas expõem o que realmente são quando têm a oportunidade. Falo isso me analisando porque, afinal, eu sou a única pessoa que eu conheço totalmente. Passado e presente.
(Odeio essas rimas não intencionais.)
Fui criado para ter um rígido senso de moral, e o tenho até hoje. Por mais difícil que seja para acreditarem eu já fui de Igreja e tentava levar a sério o que eu aprendia, tentava demonstrar que eu não era "do mundo" quando eu estava lá. Não deu muito certo. Por fazer coisas que eu considerava errado, por dar mau testemunho em atos eu decidi por sair. Me sentia mal em dizer uma coisa e fazer outra.
Mesmo assim, durante muitos anos tentei seguir todos aqueles dogmas morais que eu aprendi lá, que eu fui adestrado a seguir por uma criação tradicionalíssima. Palavras fortes, mas praticamente me fizeram uma lobotomia quando criança, me fizeram acreditar que ser bonzinho teria recompensas e perdi muito tempo na vida acreditando por isso.
Ainda tenho certos valores, uma moral luminosa e brilhante que eu praticamente ignoro full time. Sei o que é certo e errado e muitas vezes escolho fazer o errado. Sem dor na consciência, sem arrependimentos. Sei que essas atitudes podem ter consequências, se tiver, vou encará-las na boa, fiz por merecer.
O que me intriga é não saber se eu realmente mudei ou se eu sempre fui assim e estava travado por saber que era errado e que pessoas boas não faziam isso. Não acredito que eu tenha mudado tanto assim.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home